planilhas de controle de estoque

O que é planilhas de controle de estoque

[[pt]][[pt]]Planilhas de controle de estoque são ferramentas usadas para gerenciar e monitorar os níveis de estoque de uma empresa. Elas permitem que as empresas rastreiem quantidades de estoque, custos e informações de localização em tempo real. As planilhas de controle de estoque podem ajudar as empresas a otimizar seus níveis de estoque, evitando a falta de estoque e o excesso de estoque, levando a uma maior eficiência e lucratividade.

Para que serve planilhas de controle de estoque

Controle de Estoque Precisão:

  • Rastrear níveis de estoque com precisão em tempo real.
  • Evitar estoques excessivos ou insuficientes.

Otimização do Pedido:

  • Calcular pontos de pedido ideais para reabastecimento automático.
  • Garantir que os itens sejam pedidos na hora certa para atender à demanda.

Minimização de Perdas:

  • Identificar itens de estoque obsoletos ou com giro lento.
  • Implementar estratégias de desconto ou liquidação para reduzir perdas.

Eficiência Operacional:

  • Automatizar processos de pedido e reabastecimento.
  • Melhorar a precisão da entrega e reduzir erros de processamento.

Redução de Custos:

  • Negociar melhores preços com fornecedores com base em dados de estoque históricos.
  • Eliminar custos de armazenamento e envio desnecessários.

Atendimento ao Cliente Aprimorado:

  • Fornecer informações de estoque precisas aos clientes.
  • Evitar atrasos nos pedidos devido a estoques insuficientes.

Conformidade Regulatória:

  • Atender aos regulamentos que exigem o rastreamento preciso do estoque.
  • Garantir conformidade com as práticas contábeis e de auditoria.

Tomada de Decisão Informada:

  • Fornecer dados sobre tendências de demanda, padrões de uso e desempenho do fornecedor.
  • Suportar a tomada de decisões sobre estratégia de estoque, gestão de fornecedores e precificação.

Significado planilhas de controle de estoque

Planilhas de Controle de Estoque

As planilhas de controle de estoque são ferramentas valiosas para gerenciar os níveis de estoque, otimizar os pedidos e reduzir os custos de armazenamento. Eles fornecem uma visão em tempo real do estoque disponível, evitando estoques insuficientes ou excessivos.

Benefícios das Planilhas de Controle de Estoque:

  • Monitoramento de Estoque em Tempo Real: Rastreia os níveis de estoque atuais, entradas e saídas.
  • Identificação de Níveis Críticos: Alerta quando os níveis de estoque estão baixos, evitando a falta de estoque.
  • Otimização de Pedidos: Ajuda a determinar as quantidades ideais de pedidos com base na demanda histórica e nos prazos de entrega.
  • Redução de Custos de Armazenamento: Evita o armazenamento excessivo de estoque, liberando espaço e reduzindo custos.
  • Melhora do Atendimento ao Cliente: Garante a disponibilidade do produto para atender à demanda do cliente, reduzindo os atrasos de entrega.
  • Facilidade de Uso: As planilhas são fáceis de usar e podem ser personalizadas para atender a necessidades específicas.
  • Informações Valiosas: Fornece insights sobre padrões de demanda, tendências de rotatividade e lucratividade do produto.

Componentes das Planilhas de Controle de Estoque:

  • Informações do Produto: Nome do produto, código SKU, preço, descrição.
  • Níveis de Estoque: Estoque inicial, entradas, saídas, estoque disponível.
  • Ponto de Pedido: Nível de estoque que desencadeia um novo pedido.
  • Quantidade do Pedido: Quantidade ideal a ser solicitada para reabastecer o estoque.
  • Histórico de Entradas e Saídas: Rastreia transações anteriores para análise de demanda.
  • Observações: Informações adicionais como datas de vencimento, detalhes do fornecedor ou notas especiais.

Como Criar uma Planilha de Controle de Estoque:

  1. Determine os Produtos a Serem Rastreados: Selecione os produtos que precisam ser monitorados quanto ao estoque.
  2. Colete Informações do Produto: Reúna os nomes do produto, códigos SKU, preços e descrições.
  3. Estabeleça Pontos de Pedido: Defina os níveis de estoque que acionarão novos pedidos.
  4. Calcule Quantidades de Pedido: Determine as quantidades ideais de pedido com base na demanda histórica e nos prazos de entrega.
  5. Monitorar Entradas e Saídas: Registre todas as transações de estoque, incluindo recebimentos e remessas.
  6. Revisar e Ajustar: Analise regularmente os níveis de estoque e ajuste os pontos de pedido e as quantidades de pedido conforme necessário.

Como funciona planilhas de controle de estoque

Como as Planilhas de Controle de Estoque Funcionam

As planilhas de controle de estoque são ferramentas essenciais para rastrear e gerenciar os níveis de estoque, garantindo que as empresas tenham a quantidade certa de produtos disponíveis para atender aos pedidos dos clientes. Elas funcionam usando os seguintes princípios:

1. Rastreamento de Entrada e Saída:

  • A planilha registra todas as transações de entrada e saída de estoque.
  • As entradas representam produtos recebidos de fornecedores ou produzidos internamente.
  • As saídas representam produtos vendidos aos clientes, usados na produção ou descartados.

2. Cálculo do Estoque Disponível:

  • A planilha calcula automaticamente o estoque disponível subtraindo as saídas das entradas.
  • O estoque disponível representa a quantidade de produtos que a empresa possui atualmente.

3. Definição de Pontos de Pedido:

  • Os pontos de pedido são níveis de estoque predeterminados que desencadeiam a reposição.
  • Quando o estoque disponível cai abaixo do ponto de pedido, a planilha gera um alerta para solicitar um pedido ao fornecedor.

4. Otimização de Estoque:

  • As planilhas de controle de estoque ajudam a otimizar os níveis de estoque para minimizar os custos.
  • Elas garantem que a empresa tenha estoque suficiente para atender aos pedidos, mas evitam o excesso de estoque que pode levar a custos desnecessários de armazenamento e perdas.

5. Relatórios e Análises:

  • As planilhas de controle de estoque geram relatórios detalhados que fornecem insights sobre os padrões de estoque.
  • Esses relatórios podem ser usados para identificar tendências, prever demandas e tomar decisões de compra informadas.

Como Usar uma Planilha de Controle de Estoque

Para usar uma planilha de controle de estoque eficazmente:

  • Insira dados precisos e atualizados sobre todas as transações de estoque.
  • Defina pontos de pedido realistas com base no histórico de vendas e no prazo de entrega do fornecedor.
  • Monitore os níveis de estoque regularmente e reponha quando necessário.
  • Analise os relatórios para identificar áreas de melhoria e tomar decisões informadas sobre o gerenciamento de estoque.

Benefícios das Planilhas de Controle de Estoque

  • Estoque preciso e atualizado: Evita erros e garante a disponibilidade precisa do produto.
  • Otimização de custos: Reduz os custos de armazenamento e perdas por excesso de estoque.
  • Melhora do atendimento ao cliente: Garante que os produtos estejam disponíveis para atender aos pedidos dos clientes.
  • Visibilidade aprimorada: Fornece insights sobre os padrões e tendências de estoque.
  • Eficiência aprimorada: Automatiza tarefas de controle de estoque, liberando tempo para outras atividades valiosas.

Como fazer planilhas de controle de estoque

Como Criar uma Planilha de Controle de Estoque

Passo 1: Determine as informações necessárias

  • Nome ou código do produto
  • Descrição do produto
  • Quantidade em estoque
  • Quantidade mínima (ponto de reabastecimento)
  • Quantidade máxima (estoque máximo)
  • Custo unitário
  • Valor total do estoque

Passo 2: Crie uma nova pasta de trabalho do Excel

Passo 3: Insira os cabeçalhos da coluna

Na primeira linha, insira os cabeçalhos das colunas conforme determinado no Passo 1.

Passo 4: Formate as células

  • Formate as células que contêm quantidades como números.
  • Formate as células que contêm valores como moeda.
  • Considere usar cores para destacar células importantes, como ponto de reabastecimento ou estoque máximo.

Passo 5: Insira os dados do produto

Preencha as colunas com as informações do produto conforme necessário.

Passo 6: Calcule a quantidade de reabastecimento

Para calcular a quantidade de reabastecimento, use a fórmula:

Ponto de reabastecimento = Quantidade mínima + (Taxa média de uso x Tempo de reabastecimento)

Onde:

  • Taxa média de uso é a quantidade média de produto usada por um determinado período de tempo.
  • Tempo de reabastecimento é o tempo necessário para receber novo estoque após o pedido.

Passo 7: Calcule o valor total do estoque

Para calcular o valor total do estoque, use a fórmula:

Valor total do estoque = Quantidade em estoque x Custo unitário

Passo 8: Adicione recursos adicionais

  • Gráficos: Crie gráficos para visualizar tendências no estoque.
  • Validação de dados: Defina regras de validação para garantir que os dados inseridos atendam a critérios específicos.
  • Macros: Automatize tarefas, como gerar relatórios ou enviar e-mails de alerta quando o estoque estiver baixo.

Passo 9: Salve e compartilhe a planilha

Salve a planilha em um local seguro e compartilhe-a com as pessoas relevantes, se necessário.

Dicas Adicionais:

  • Mantenha a planilha atualizada regularmente.
  • Revise o estoque periodicamente para identificar tendências e fazer ajustes conforme necessário.
  • Use a planilha para tomar decisões informadas sobre pedidos de compra e gerenciamento de estoque.

Autores planilhas de controle de estoque

  • Microsoft Excel
  • Planilhas Google
  • Numbers da Apple
  • OpenOffice Calc
  • LibreOffice Calc

Tipos planilhas de controle de estoque

Planilhas de Controle de Estoque

1. Planilha Básica de Controle de Estoque

  • Inclui informações básicas sobre estoque, como:
    • Nome do produto
    • Código SKU
    • Quantidade em estoque
    • Preço unitário
    • Valor total do estoque

2. Planilha de Controle de Estoque Avançada

  • Expansão da planilha básica com recursos adicionais, como:
    • Níveis de estoque mínimo e máximo
    • Histórico de transações de estoque
    • Rastreamento de custos de estoque
    • Previsão de demanda

3. Planilha de Controle de Estoque Perpétuo

  • Registra cada transação de estoque em tempo real, fornecendo um saldo sempre atualizado em estoque.
    • Adequado para empresas com alto volume de transações de estoque.

4. Planilha de Controle de Estoque Periódico

  • Registra as transações de estoque periodicamente, geralmente mensalmente ou trimestralmente.
    • Adequado para empresas com menor volume de transações de estoque.

5. Planilha de Controle de Estoque ABC

  • Classifica o estoque com base na rotatividade, identificando os itens mais importantes (A), itens moderadamente importantes (B) e itens menos importantes (C).
    • Ajuda a priorizar o gerenciamento de estoque e a reduzir o desperdício.

6. Planilha de Controle de Estoque FIFO (First-In, First-Out)

  • Assume que os itens mais antigos em estoque são vendidos primeiro.
    • Adequado para itens perecíveis ou com vida útil limitada.

7. Planilha de Controle de Estoque LIFO (Last-In, First-Out)

  • Assume que os itens mais recentes em estoque são vendidos primeiro.
    • Pode ser vantajoso para fins contábeis durante períodos de inflação.

8. Planilha de Controle de Estoque Just-in-Time (JIT)

  • Objetivo de manter os níveis de estoque tão baixos quanto possível, recebendo os itens apenas quando necessário.
    • Reduz os custos de manutenção e desperdício de estoque.

9. Planilha de Controle de Estoque de Contagem Cíclica

  • Envolve a contagem parcial do estoque em intervalos regulares.
    • Ajuda a detectar discrepâncias e a melhorar a precisão do controle de estoque.

10. Planilha de Controle de Estoque Baseado em Atividades

  • Baseia-se no conceito de atividades baseadas em custo, rastreando os custos associados ao gerenciamento de estoque.
    • Ajuda a otimizar os processos de estoque e a reduzir custos.

Conclusão planilhas de controle de estoque

Conclusão - Planilhas de Controle de Estoque

As planilhas de controle de estoque desempenham um papel crucial na otimização das operações de estoque, fornecendo informações precisas e atualizadas sobre os níveis de estoque. Ao implementar e manter planilhas eficazes, as empresas podem aprimorar vários aspectos de seus processos de gestão de estoque:

  • Monitoramento preciso de estoque: As planilhas permitem que as empresas monitorem os níveis de estoque em tempo real, garantindo que os itens essenciais estejam sempre disponíveis e que o excesso de estoque seja evitado.
  • Controle de custos: Ao otimizar os níveis de estoque, as empresas podem reduzir os custos de armazenamento, obsolescência e perda de produto.
  • Melhoria da precisão do pedido: Planilhas atualizadas garantem que os pedidos sejam feitos com base em dados precisos, evitando estoques insuficientes ou excedentes.
  • Aumento da eficiência: As planilhas automatizam muitos aspectos do processo de gestão de estoque, liberando tempo e recursos para outras tarefas críticas.
  • Tomada de decisão aprimorada: Os dados coletados nas planilhas fornecem insights valiosos que podem auxiliar na tomada de decisão estratégica sobre compras, armazenamento e distribuição.

Existem vários tipos de planilhas de controle de estoque disponíveis, cada uma projetada para atender a necessidades específicas. Ao escolher e personalizar uma planilha que atenda às suas necessidades, as empresas podem obter os benefícios máximos da gestão de estoque baseada em planilha.

Embora as planilhas de controle de estoque sejam uma ferramenta valiosa, é importante observar suas limitações. Elas podem ser propensas a erros humanos, dados incorretos e dificuldade de escalabilidade para operações de estoque complexas.

No geral, as planilhas de controle de estoque oferecem uma solução eficiente e acessível para pequenas e médias empresas que buscam melhorar a precisão, o controle de custos e a eficiência de seus processos de gestão de estoque. Ao implementar e manter planilhas eficazes, as empresas podem otimizar suas operações de estoque e obter uma vantagem competitiva no mercado.

Perguntas Frequentes planilhas de controle de estoque

Perguntas frequentes sobre planilhas de controle de estoque

O que é uma planilha de controle de estoque? Uma planilha de controle de estoque é uma ferramenta de gerenciamento que ajuda as empresas a rastrear e controlar seus níveis de estoque. Ela fornece informações essenciais sobre itens de estoque, como quantidades em mãos, locais de armazenamento e custos.

Quais são os benefícios de usar uma planilha de controle de estoque? * Melhor gestão de estoque, evitando escassez ou excesso de estoque. * Otimização da cadeia de suprimentos, garantindo que os itens sejam entregues a tempo. * Redução de custos, evitando o desperdício de produtos vencidos ou obsoletos. * Tomada de decisão aprimorada, fornecendo dados precisos sobre os níveis de estoque.

Quais informações devem ser incluídas em uma planilha de controle de estoque? * Nome do item e número de SKU * Quantidade em mãos * Localização de armazenamento * Custo unitário * Valor total do estoque * Data de chegada do estoque * Data de expiração (se aplicável)

Como criar uma planilha de controle de estoque? Você pode criar uma planilha de controle de estoque usando um programa como Microsoft Excel, Google Sheets ou OpenOffice Calc. Defina as colunas relevantes, insira as informações do item e atualize regularmente os níveis de estoque.

Como manter uma planilha de controle de estoque atualizada? * Registre todas as transações de estoque, incluindo entradas, saídas e ajustes. * Verifique os níveis de estoque fisicamente em intervalos regulares. * Use códigos de barras ou sistemas de RFID para automação e precisão.

Como usar uma planilha de controle de estoque para tomar decisões? * Analise os dados para identificar tendências de vendas e demanda. * Ajuste os níveis de estoque para atender às necessidades dos clientes. * Otimize os pontos de pedido e níveis de reabastecimento. * Minimize o desperdício e a obsolescência.

Existem modelos de planilha de controle de estoque disponíveis online? Sim, vários modelos gratuitos e pagos estão disponíveis online. No entanto, é importante personalizar a planilha para atender às necessidades específicas de sua empresa.

Quais são as limitações das planilhas de controle de estoque? * Podem ser demoradas para manter manualmente. * Podem ser propensas a erros humanos. * Podem não fornecer recursos avançados, como análise de dados ou integração com sistemas ERP.

Quando é necessário um sistema de controle de estoque mais avançado? Quando as operações de estoque se tornam complexas, um sistema de controle de estoque mais abrangente pode ser necessário, oferecendo recursos como: * Automação * Integração com outros sistemas * Relatórios e análises avançados

Reading next

caraicarai

Leave a comment

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.